Beauty in lace

27 de outubro de 2015



Quando pensei em criar um blog, há dois anos, a minha ideia sempre foi partilhar histórias. Porque foi para isso que nasci: para contar histórias. Nunca fui uma pessoa com aptidões especiais, ou daquelas que em miúda já toda a gente sabia o que ia fazer. Eu não brincava aos médicos, eu não tinha jeito para desenhar, eu não era boa em ciências e muito menos em desporto. A única coisa que eu fazia era dançar e escrever. Tenho dezenas de cadernos cheios de histórias e histórias e mais histórias que eu escrevia. E a única coisa que sempre soube que queria fazer seria algo onde pudesse mudar a vida dos outros de alguma maneira.

Mudar com mensagens positivas - a todos os níveis. As histórias de amor e relações que vos conto são para vos mostrar como podemos ser felizes sem andar às cabeçadas nas paredes com o coração despedaçado por homens que não interessam e não nos fazem bem. E o mesmo se diz das mensagens com o corpo. Sejam como são - gordas, magras, altas, baixas, assim ou assado. Procurem sentir-se bem na vossa própria pele. Já recebi mensagens e comentários odiosos com coisas tão feias que não vale a pena replicar aqui. Mas o que faço - toooooodos os dias da minha vida - é tirar o melhor partido daquilo que tenho e focar-me apenas nisso. A beleza está em todas as nossas particularidades e não num padrão standardizado que vemos na televisão.

A mensagem de hoje é que a aceitação começa dentro de nós e nas pequenas coisas que nos fazem sentir bem. No meu caso - lingerie. A roupa interior não é para os homens - parem de pensar assim - mas sim para nós. E está relacionado com a forma como nos valorizamos. Qual a mensagem que enviamos para nós próprias quando usamos um soutien velho, desbotado e mal ajustado? Se vestimos a nossa pele assim, isso vai transparecer em tudo aquilo que fizermos. Cuidem de vocês, por dentro e por fora.








FYI: soutien, Jumbo Moda.

16 comentários

  1. Devemos focar no nosso corpo e deixar de falar dos outros. Faz-me lembrar os comentários horriveis que tenho lido da Carolina Patrocínio... Que coisa feia e cheio de inveja. O que interessa é ser saudável, e eu pessoalmente gosto de corpos magros (muito provavel porque nunca o fui). Gosto e admiro quem o tem porque simplesmente é assim ou quem tem dispciplina para o tornar assim. O resto... ouvidos (e olhos para quem lê) selectivos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Monica, é verdade. As pessoas atacam por tudo e por nada e eu também já recebi a minha quota parte de ataques... Mas a mensagem para todas nós é que temos de fazer o que estiver ao nosso alcance para estarmos bem connosco próprias. Há quem tenha disciplina para ser magro, há quem o seja por ser... o importante, e o que eu te diria (como disseste que gostas de corpos magros) era para fazeres tudo o que está ao teu alcance para te sentires no teu melhor. Se não o conseguires, o importante é encontrares um equilibrio entre aquilo que gostarias e aquilo que tens :)

      Eliminar
  2. É tão isso :) e é isso que digo a mim mesma todos os dias.
    Btw, adorei as fotos!

    Jiji

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Temos que nos dizer mesmo todos os dias. Olhar ao espelho e dizer "Eu gosto do que vejo". Porque muitas vezes os problemas são mais mentais que físicos :)

      Eliminar
  3. Concordo: a lingerie é para nós e não para os homens, completamente! Este soutien que mostras nas fotos é super bonito!

    Lena's Petals xx

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É sempre para nós. Porque se nos sentirmos bem connosco, vamos estar bem para os homens e para os outros :)

      Eliminar
  4. Gostei muito da mensagem que o teu post me transmitiu, apesar de quase nunca pensar assim. Tenho muitos complexos com o meu corpo e acho que apesar da idade ir aumentando, nunca vou deixar de os ter. Mas, mesmo assim, vale sempre a pena ler estas mensagens :)

    Estou a seguir-te *

    xoxo, http://deixa-me-contar-te.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que não há uma única mulher que não tenha complexos Cris. O importante é conseguirmos encontrar paz algures no meio entre o que somos e o que gostaríamos de ser :)

      Eliminar
  5. Adorei este post, a elegância das fotografias, a subtileza, estão perfeitas e mostram exactamente o que contas: conforto, bem-estar e aceitação. Coisa que eu também preciso de fazer.

    Obrigada por esta mensagem :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem-estar e aceitação... está ao alcance de todos nós. Às vezes demoramos é um pouquinho a lá chegar :)

      Eliminar
  6. a lingerie é o que mais gosto de comprar. e por mim :)
    acho que é algo altamente feminino.
    descobrir este blog hoje num dia mau, cheio de mensagens positivas foi bom mas se bom.
    obrigada por este cantinho que criaste.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que bom Joana, obrigada mesmo pela tua mensagem. Saber que, de alguma forma, te ajudei num dia mau, já faz o meu dia :)

      Eliminar
  7. Helena, não poderia concordar mais. Sou viciada em lingerie e é claro que, o que me fez abrir o post foi isso mesmo. Que soutien lindo, a propósito. Mas, o que me prendeu ao ecrã foram as palavras. Sempre as palavras. Também acredito nelas com uma devoção quase religiosa. E, fazer delas veículo para transmitir a alguém algo tão bom como a auto aceitação, é, no mínimo, notável. Parabéns, adorei.

    www.letirose.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tão linda Catarine :) Às vezes basta mesmo uma palavra para fazer toda a diferença <3

      Eliminar
  8. Adorei o teu texto baby, está muito bom mesmo! E as fotos estão deslumbrantes, adoro a elegância e a sensualidade delas! Parabéns querida! Excelente post!
    Um beijinho

    http://denisedeassis.com

    ResponderEliminar

Latest Instagrams

© Helena Magalhães. All Rights Reserved. Design by Fearne.