20 frases da literatura que podem mudar vidas

30 de janeiro de 2016


 Eu leio muito - meeeeesmo muito. Muitas vezes, enquanto o resto do universo está em noitadas ao sábado à noite, eu estou deitada no sofá a ler. E é das coisas que mais prazer me dá na vida porque acredito que a literatura é um lugar de consolo, uma fonte de esperança e, acima de tudo, uma forma de estimular a imaginação, a criatividade e a paz de espírito. É como se vivesse a vida de tantas outras pessoas quando mergulho nas suas histórias e nos seus universos. E este prazer é impagável. 

Fora isso, para mim nada bate uma chávena de chá e deixar correr uma noite na companhia de tantos amigos literários. E tenho, num caderno antigo, anotadas centenas de frases e citações que fui anotando ao longo dos anos e, para mim, conseguem passar algum ensinamento, uma mensagem, uma inspiração. São frases que fui anotando conforme fui lendo os livros - quer tenham sido livros que gostei ou não. Houve muitos que não gostei por aí além mas que tinham alguns momentos que me marcaram.

De F. Scott Fitzgerald a Charlotte Bronte, passando por nomes mais actuais como J.K.Rowling, Arthur Golden ou David Nicholls, deixo-vos 20 frases que tiveram algum impacto em mim. Espero que, como eu, as usem em momentos em que precisem de motivação.

"É loucura para qualquer mulher alimentar dentro de si um amor secreto que, se não correspondido e não revelado, acabará por lhe devorar a vida. E se descoberto e correspondido, acabará por a levar no caminho da desgraça do qual não há volta"
Jane Eyre, Charlotte Bronte

"Não adianta entregares-te aos sonhos se te esqueceres de viver"
Harry Potter e a Pedra Filosofal, J.K.Rowling.

"Não podemos escolher se somos ou não magoados neste mundo, mas temos algo a dizer sobre quem nos magoa"
A Culpa é das Estrelas, John Green.

"Quando alguém que amas morre, e não estavas à espera, não o perdes de uma só vez; começas a perdê-lo aos bocados durante um longo tempo - na forma como o correio deixa de chegar, o seu cheiro desaparece da almofada e até das roupas no seu armário e nas gavetas"
A Prayer for Owen Meany, John Irving.

"Não poderia ter havido um par de corações tão aberto, nem gostos tão similares, sentimentos tão harmoniosos, comportamentos tão amados. Agora, eles eram como dois estranhos; não; pior do que estranhos, porque nunca mais poderiam voltar a reconhecer-se. Viviam um afastamento perpétuo"
Persuasão, Jane Austen.

"Acho que tens medo de ser feliz Emma. Parece que pensas que o caminho natural das coisas na tua vida é ser triste, sombria e macambúzia, e odiar o teu emprego, odiar o lugar onde moras e não ter sucesso nem dinheiro, e Deus te livre de teres um namorado. Na verdade, vou mais longe: acho que gostas de te sentir frustrada e ter menos do que queres ter porque isso é mais fácil, não é? O fracasso e a infelicidade são mais fáceis porque podes fazer piadas com isso"
Um dia, David Nicholls.

"Encontrar alguém que ames e te ame de volta é um sentimento maravilhoso. Mas encontrar uma verdadeira alma gémea é uma sensação ainda melhor. A alma gémea é alguém que te entende como nenhum outro, te ama como nenhum outro, vai estar lá para ti sempre, não importa o quê. Dizem que nada dura para sempre, mas eu sou um crente firme no facto de que, para alguns, o amor vive mesmo depois de partirmos"
P.S. I Love You, Cecelia Ahern.

"Até então, eu sabia que tudo de bom e de mau deixa um vazio quando termina. Se foi mau, o vazio é preenchido por si só. Mas se foi bom, só consegue ser preenchido quando encontramos algo melhor"
Paris é uma Festa, Ernest Hemingway.

"Eu lembrava-me de que o mundo real era vasto e que uma quantidade enorme de esperanças e medos, de sensações e emoções, se encontravam à espera daqueles que ousassem sair por ele fora, em busca do verdadeiro conhecimento do que é a vida"
Jane Eyre, Charlotte Bronte.

"Ele era o meu Norte, o meu Sul, o meu Leste e Oeste, A minha semana útil e o meu domingo inerte, O meu meio-dia, a minha meia-noite, a minha canção, a minha fala, Achei que o amor fosse para sempre: eu estava errado"
Poema Funeral Blues, no livro Another Time, W.H.Auden.

"Era uma vez um rapaz que amava uma rapariga e a sua gargalhada era uma questão que ele queria passar a vida toda a responder".
A História do Amor, Nicole Krauss.

"Devia ter havido momentos, mesmo naquela tarde, em que Daisy ficara muito aquém de seus sonhos - não por culpa dela, mas devido à enorme vitalidade de ilusão que ele alimentara. A sua ilusão tinha-se projectado além dela, além de tudo"
Grande Gatsby, F. Scott Fitzgerald.

"Muitos homens fingem que não perseguem mulheres só pela oportunidade de entrar debaixo de todas essas roupas, mas escuta bem Sayuri: só existe um tipo de homem! E já que falamos nesse assunto, aqui vai uma coisa para te lembrares: todos os homens sentados aqui, em alguma momento esta tarde, pensaram o quanto gostariam de te ver nua"
Memórias de uma Gueixa, Arthur Golden.

"Agora desagradar-me-ia casar com Heathcliff; por isso, ele nunca saberá como o amo, e amo-o, não por ele ser bonito, Nelly, mas porque ele é mais eu própria do que eu sou. Seja do que for que as nossas almas são feitas, a dele e a minha são iguais (...) O meu grande pensamento na vida é ele. Se tudo o mais desaparecesse, e ele permanecesse, eu continuaria a existir, e se tudo o mais permanecesse e ele fosse aniquilado, o universo transformar-se-ia num imenso desconhecido"
O Monte dos Vendavais, Emily Bronte.

"A reflexão deve ser reservada para momentos solitários; assim que fico sozinha, volto a reflectir; e não passo um dia sem meus passeios solitários, durante os quais me posso permitir toda a delícia das recordações desagradáveis"
Orgulho e Preconceito, Jane Austen.

"Passa-se o mesmo com as ementas, os homens ou outra coisa qualquer: pensamos que estamos a fazer uma escolha mas, de facto, podemos não estar a escolher nada. Tudo pode já estar escolhido de antemão e nós fingimos que fazemos escolhas. O livre-arbítrio pode não passar de uma ilusão"
1Q84, Haruki Murakami.

"Para ser franca, não consigo imaginar como alguém poderia dizer 'Eu sou fraco' e continuar assim. Se sabes isso a teu respeito, por que não lutas contra, por que não desenvolves o carácter?"
O Diário de Anne Frank, Anne Frank.

"Não podes viver a tua vida para as outras pessoas. Tens de fazer o que é certo para ti, mesmo que isso doa para algumas das pessoas que amas"
O Diário da Nossa Paixão, Nicholas Sparks.

"Parou à procura das palavras. E eu as forneci mentalmente: Ele partiu o meu coração. Tu só devastaste a minha vida"
Lolita, Vladimir Nabokov.

"Porque é que as pessoas boas escolhem sempre as pessoas erradas para namorar?
"Nós aceitamos o amor que achamos que merecemos."
"E podemos mostrar para essas pessoas que merecem mais?"
"Podemos tentar"
As vantagens de ser invisível, Stephen Chbosky.


10 comentários

  1. Eu também costumo anotar algumas citações que me marcam e sabe sempre bem relê-las.
    Obrigada por este post, já me deste vontade de ler mais alguns livros e, acima de tudo, deste-me inspiração para escrever os trabalhos que tenho aqui para fazer.
    Bom fim de semana.

    Lena's Petals xx

    ResponderEliminar
  2. Muitos homens fingem que não perseguem mulheres só pela oportunidade de entrar debaixo de todas essas roupas, mas escuta bem Sayuri: só existe um tipo de homem! E já que falamos nesse assunto, aqui vai uma coisa para te lembrares: todos os homens sentados aqui, em alguma momento esta tarde, pensaram o quanto gostariam de te ver nua"

    ahah tão verdade!

    ResponderEliminar
  3. The Notebook <3 Amo!!!

    ResponderEliminar
  4. "Nós aceitamos o amor que achamos que merecemos." E é por isso que nos sujeitamos por vezes a pseudo-amores... Bem, mas nem vale a pena detalhar. Tens falado muito bem acerca do assunto!

    Ultimamente a frase que "anda" sempre comigo é do meu filósofo preferido, Nietzsche.
    "Quem enfrenta monstros deve permanecer atento para não se tornar também um monstro. Se olhares demasiado tempo para o abismo, o abismo acabará por olhar para ti." Porra...
    Beijinhooos!

    ResponderEliminar
  5. E literatura portuguesa? José saramago, Vergílio Ferreira ...

    ResponderEliminar
  6. Sim, é pena não teres nada português mas não há nenhuma dessas que eu também não me identifique. Adorei mesmo :)

    ResponderEliminar
  7. AMEI esse post! Uma das minhas favoritas, do livro Natureza Morta, é:

    “Ainda que possamos saber que a nossa vida pode correr muito pior do que corre, sofre-se mais do que se sofre, perante um momento de prazer esquecemos toda e qualquer possibilidade de desventura”.

    ResponderEliminar
  8. Que coisa linda Helena... Que sensibilidade... Acabei de conhecer o seu blog e estou encantada com a sua forma leve de escrever. Temos tanto em comum e estamos tão distantes; pelo menos a língua nos aproxima e consigo perceber seu sentimento!

    Em tempo: "Você é linda sua velha rabugenta, e se eu pudesse te dar um só presente, seria esse: O presente da confiança" - Minha frase preferida de Um Dia.

    Um beijo grande direto do Brasil

    Roberta
    www.betamaia.com

    ResponderEliminar
  9. Adorei este post. Eu sou a louca das citações dos livros e costumo até apontar algumas das minhas preferidas num caderno.

    ResponderEliminar
  10. Oi Helena,

    Muito bom este post, também gosto de "coleccionar" citações, fazem-me reflectir e retiro sempre um ensinamento delas.
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Latest Instagrams

© Helena Magalhães. All Rights Reserved. Design by Fearne.