Cowboy

28 de janeiro de 2016




Fotografias tiradas por Sara Cabido | Little Tiny Pieces

Hoje perguntaram-me se não tenho medo - medo do incerto. Medo de não ter uma vida definida. Um emprego estável. Uma folha de pagamento todos os meses certa a entrar no banco. Um percurso traçado. Bem, tenho medo, é verdade. Porque nada na minha vida é definido. É como se eu vivesse num deserto constantemente à procura de mais e mais água. Podia ficar parada - com medo, claro - e jogar pelo seguro. Mas nada disso se coaduna com os meus valores e objectivos de vida. 

Desde que me lembro de mim, sempre fui uma pessoa a viver com os pés nas nuvens - no bom sentido. Tudo o que eu imaginava, eu fazia. E sou altamente viciada naquela sensação de ter todos os elementos da minha imaginação a materializarem-se em coisas palpáveis à frente dos meus olhos. Isto para vos dizer que viver no medo não é necessariamente mau. A minha filosofia de vida é que todos os dias gosto de enfrentar qualquer coisa - porque ainda há muito que tenho e quero fazer. O medo faz-me perceber as coisas pelas quais sou apaixonada ou não. Acabo por só ter medo daquilo que realmente não quero perder. E é esse medo que me impulsiona todos os dias a fazer mais e mais e mais. Já ouvi 500 nãos. Mas tenho ainda 501 sins à espera.

FYN: Poncho e camisa, Jumbo Moda; Jeans, Zara; Botas, Stradivarius; Mala, Parfois; Lenço, Pedro del Hierro.











8 comentários

  1. Adoro quando não vais pelo "certinho". O lenço dá tanto charme ao look, as botas que também são marcantes, a mala que tem o seu brilho próprio no conjunto. Gosto mesmo muito!
    Eu sou um bocadinho mais medricas do que tu. Porque também temos sonhos e objectivos diferentes. O meu sonho permite-me o tal ordenado todos os meses no banco mas também não sei quando parar :P Tenho seeempre ideias novas!
    Gostei muuito, tanto do look como do texto!
    Beijinhos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então - é para avançar com essas ideias. Sem medo! Um ser humano sem ideias não vive, sobrevive :)

      Eliminar
  2. 1º: estás lindaaa!

    2º: acho maravilhosa essa capacidade de arriscar. Eu tenho-a em doses pequenas, gosto de avançar, mas sempre sabendo que a pedra onde pouso o pé está segura. Não fico parada, mas também não avanço à maluca...Lidamos com o medo de formas diferentes! Às vezes gostava de ser menos cuidadosa :p U go girl, é assim que o mundo se reinventa!

    Jiji

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, mas também temos de ser cuidadosos às vezes. Eu vou sendo qb, mas às vezes também preciso que me coloquem os pés no chão quando começo a divagar demasiado :) <3

      Eliminar
  3. "Acabo por só ter medo daquilo que realmente não quero perder. E é esse medo que me impulsiona todos os dias a fazer mais e mais e mais. Já ouvi 500 nãos. Mas tenho ainda 501 sins à espera." <3

    ResponderEliminar
  4. A isso chama-se viver e não sobreviver, como os restantes costumam fazer. É por isso que pessoas como tu nos inspiram! :P

    ResponderEliminar

Latest Instagrams

© Helena Magalhães. All Rights Reserved. Design by Fearne.